Blog


Decorar com flores naturais ou permanentes?


18 agosto, 2016

E aí vem aquela dúvida: o que é melhor, flores naturais que exalam um cheiro delicioso por entre o salão e encanta os convidados com a perfeição da natureza, ou flores permanentes que têm sempre uma aparência intacta e deixam sua festa perfeita do início ao fim?

Escolha difícil, não é mesmo¿! Aqui trabalhamos tanto com naturais, quanto com permanentes, cada uma com sua beleza e singularidade. Mas, claro, temos a nossa preferida, ou melhor, trabalhamos mais com uma delas por conta de todos os benefícios que trazem para nossos clientes.

Primeiro vamos falar um pouco de cada uma e depois quais gostamos mais de trabalhar.

Permanentes – Assim como as reais, elas precisam ser escolhidas cuidadosamente para que a decoração não saia prejudicada. Deve-se ter critério na escolha, considerando-se o produto de que são feitas e se desbotam rápido ou não. Se você quiser acertar em cheio na decoração, escolha flores artificiais com cores semelhantes às reais.

 

Naturais – As flores naturais devem ser escolhidas a dedo e por um profissional no ramo. Isso, porque, por serem naturais, elas têm necessidades que as permanentes não têm, como rega, iluminação, entre outros. Os cuidados são bem maiores, mas os benefícios também são muitos.

 

As flores permanentes ‘imitam’, no que podem, as flores naturais, mas não são naturais. Não são as verdadeiras. Vai dizer que você nunca passou por uma flor artificial, pensou que fosse real e quando descobriu ficou decepcionado? Por isso, aqui damos preferência para flores naturais e frescas.

Por outro lado, as permanentes ganham no quesito sustentabilidade, pois muitas pessoas se incomodam com o “desperdício” das flores depois das festas.

E vocês, o que preferem?